Esta é a terceira vez desde a criação da Primeira Liga Inglesa (1992/93) que o troféu de melhor marcador é repartido por três atletas, depois de 1997/98 (Chris Sutton, Dion Dublin e Michael Owen) e 1998/99 (Michael Owen, Dwight Yorke e Jimmy Hasselbaink).

Refira-se que desde 2010/11, época em que Carlos Tévez e Berbatov venceram o título dos melhores marcadores com 20 golos cada, que a bota de ouro não era conquistada com um registo golos tão baixo.

Dos três jogadores, dois estarão no CAN a decorrer de 21 de Junho a 12 de Julho no Egipto, designadamente Mohamed Salah (Egipto) e Sadio Mané (Senegal), evento na qual Angola também está qualificada.