Após citação de Will Smith, Bonga sobe nas vendas digitais

Bonga-é-o-nome-artístico-de-José-Adelino-Barceló-de-Carvalho-111.jpg.png

Will Smith citou a música “Mona Ki Ngi Xica”, de Bonga, como “o título perfeito para uma manhã calma”. A partir dos dias seguintes, as músicas do artista angolano dispararam nas vendas digitais na França e visualizações no Youtube.

O actor e músico Will Smith foi o convidado no programa “Quotidien, da TMC na noite de quarta-feira, 8, para apresentar o seu novo filme “Aladdin”, no qual ele interpreta o gênio. Ao ser questionado sobre os seus artistas e músicas favoritas, a estrela americana impulsionou um título de 1972, “Mona Ki Ngi Xica” de Bonga, que se tornou topo das vendas no iTunes, em França.

De acordo com Chartsin France, depois da citação do Bonga, “Mona Ki Ngi Xica” é encontradi entre as melhores vendas digitais do Itunes na França. “Actualmente, duas versões da música estão em 10º e 14º downloads. A compilação ‘Beste of Bonga’ é o 16º do Top iTunes, enquanto que o álbum ‘Angola 72-74’ entrou na 119ª posição.”, refere o artigo que se encontra disponível em francês.

Datada de 1972, a música é uma interpretação original do tradicional angolano, cantada em kimbundu, que retrata a desgraça da morte de um pai que ama o seu filho e não queria o deixar. “É realmente o título perfeito para uma manhã calma e calma”, disse Will Smith no durante o programa.

José Adelino Barceló de Carvalho nasceu em Quipiri, província do Bengo, a norte de Luanda, em Angola. A família tratava-o carinhosamente por Zeca. A sua infância foi passada em bairros como os Coqueiros, Ingombota, Bairro Operário, Rangel e Marçal. Aí vive-se um ambiente intimista de preservação das músicas e tradições angolanas, marginalizadas pela dominação colonialista naquela época.

O folclore dos musseques (bairros pobres) cedo fascinou o pequeno Zeca e, por isso, começou a frequentar e a participar das turmas dos bairros típicos de Angola, onde iniciou a sua actividade musical.

Foi no bairro do Marçal onde fundou o grupo “Kissueia” e resolveu criar o seu próprio estilo musical, afirmando a especificidade da Cultura angolana, num momento bastante conturbado.

Leave a comment

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: