Restos mortais de Savimbi já repousam em Lopitanga

Os restos mortais do líder fundador da UNITA, Jonas Malheiro Savimbi, foram sepultados hoje, na aldeia de Lopitanga província do Bié.

Durante o discurso proferido pelos filhos, Durão Sakaita Savimbi começou por agradecer o gesto do Presidente da República. “Agradecemos o presidente pela possibilidade humana e espírito de reconciliação, bem como a coragem política que teve em entregar os restos mortais de Jonas Savimbi”, agradeceu. Sakaita fez ainda menção ao esforço do pai no comprometimento em ajudar as pessoas menos equipadas.

A educação e exigência de bom comportamento social, segundo Durão, eram principais qualidades de Jonas para com os seus filhos.

Já Isaías Samakuva, presidente da UNITA, numa extensa dedicatória ao líder fundador do seu partido, lembrou com saudosismo o tempo em que ele e vários membros do partido estiveram juntos durante cerca de 40 anos, fazendo referência ao seu legado histórico.

Por sua vez, João Soares, filho de Mário soares, um dos convidados presente, em colectiva de imprensa, ressaltou a figura histórica de Jonas Savimbi, desde a negação de se exilar, a luta pela democracia e a vontade de ser enterrado na sua terra natal. Soares, também fez referência dos pontos negativos do fundador da UNITA que, ressalvou, “o próprio presidente da UNITA, Isaías Samakuva, fez questão de recordar.

Durante o acto, presenciado pelos filhos, membros do partido, entidades tradicionais e diversas personalidades estrangeiras, para além de uma moldura humana acima de 500 mil pessoas.

Leave a comment

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: